Comunicação

07 de fevereiro de 2018 | 10:28

SINTEGO comemora rejeição da proposta que militarizava o Colégio Estadual Padre Pelágio, em Trindade

O SINTEGO regional de Trindade comemorou mais uma importante conquista na noite desta terça-feira (05). Durante reunião realizada no Colégio Estadual Padre Pelágio, entre representantes do SINTEGO, funcionários, comunidade escolar, prefeito de Trindade Jânio Darot e o deputado Estadual e autor do Projeto de Lei que militarizava o colégio.

A grande maioria dos participantes decidiram por não aceitar que o Colégio Estadual Padre Pelágio seja transformado em uma unidade do Colégio Militar.

Para a presidente da regional do SINTEGO em Trindade, Marlene Raimunda a decisão reforça o comprometimento da comunidade escolar em não aceitar que as escolas sejam militarizadas.

“É a Vitória de quem acredita que unidos podemos. Precisamos é de que sejam feitos maiores investimentos é melhorias nas escolas já existentes. Transformar um colégio em uma unidade militar não é o caminho para que tenhamos avanços”, pontuou.




Imprimir