Comunicação

14 de março de 2019 | 09:37

SINTEGO repudia agressão à diretora de Cmei em Goiânia

O SINTEGO vem a público repudiar veementemente a agressão sofrida pela diretora do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) do Residencial Buena Vista, na tarde desta quarta-feira (13), em Goiânia. Keilly Mágila Gonçalvez foi brutalmente agredida por um homem, que não teve o nome divulgado, quando tirava uma faixa colocada na unidade. O agressor foi identificado como assessor do vereador Paulo Magalhães.

 

De acordo com testemunhas, o homem teria dado um forte chute nas costas da diretora do Cmei, que bateu com o rosto contra a parede. Ela quebrou os óculos que usava e chegou a ficar desacordada. Keilly teve ferimentos na boca e hematomas na cabeça.

 

Conforme imagens registradas em um vídeo, fica evidenciado que a agressão covarde do homem foi provocada pela retirada da faixa, que o assessor teria colocado no muro da escola fazendo campanha para o vereador para quem trabalhava.

 

A situação é absurda, nada justifica a agressão à diretora! O SINTEGO exige a investigação e punição devida ao assessor do vereador e vai oferecer advogados/as para que a diretora entre com ação judicial contra o agressor, para que o mesmo seja condenado exemplarmente!

 

Tal agressão é revoltante e inadmissível. O SINTEGO não aceita que nenhum profissional da Educação passe por uma situação de tamanha violência e dará o apoio necessário a Keilly Mágila.

 

Exigimos respeito com os/as profissionais da Educação!




Imprimir