Notícias

03 de junho de 2017 | 19:14

Chapa 1 vence eleições do Sintego com 70% dos votos

Com 100% das urnas apurada a chapa 1 que tinha a atual presidente do Sintego Bia de Lima como candidata à reeleição, venceu a disputa para direção do Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás- Sintego com 11.233 votos. A eleição se encerrou na noite de sexta-feira, 2 e a apuração dos votos terminou no final da tarde deste sábado, 3.

Mais de 16 mil filiados participaram do pleito que teve início na quarta-feira, 31 e foi encerrado na sexta-feira, 2. Além da direção central as 36 regionais do Sintego também votaram em seus dirigentes regionais.

A chapa 1: O Sintego somos nós nossa força nossa voz, obteve 11.233 votos; a chapa 2: Sintego unidade, democracia e transparência já, liderada pelo professor Arquidones Bites obteve 4.775 votos.

De acordo com a Comissão Eleitoral Central que ficou à frente do processo eleitoral a posse vai ocorrer na próxima sexta-feira, 9.

Maior participação

Para a Comissão Eleitoral Central as eleições deste ano representaram um avanço importante, principalmente na participação dos filiados, com destaque ao crescimento de votantes no município de Goiânia. A presidente da Comissão ressaltou ainda que a participação maciça dos filiados, legitimou o processo eleitoral e fortaleceu o Sindicato.  

“Nas eleições deste ano foi definido que o processo eleitoral seria feito com urnas itinerantes em todas as cidades do estado. Felizmente tivemos uma participação maior dos sindicalizados neste pleito. Para se ter uma ideia, nas últimas eleições do Sintego em Goiânia foram registrados 1.612 votos, já neste ano 2.044 pessoas votaram, um crescimento de mais de 30%”, afirmou a presidente da Comissão Eleitoral, Estela Mares Stival.

Agradecimento

Bia de Lima candidata reeleita para o quadriênio 2017/2021, agradeceu a confiança dos educadores que acreditaram nas propostas, e ao esforço dos componentes da Chapa 1. “Agradeço aos educadores que confiaram em nossa chapa formada por pessoas comprometidas com a educação. Temos histórico de participação em lutas, conquistas e defesas dos direitos dos professores e administrativos. O resultado desta eleição é o reflexo do sentimento de dever cumprido, onde a base entendeu o nosso recado, as nossas propostas e está disposta a continuar lutando juntamente conosco por mais conquistas para a categoria”, afirmou.

Encerrado o processo eleitoral, Bia de Lima destacou ainda que é imprescindível a união de toda a categoria para garantir mais valorização e respeito aos educadores. “Precisamos estar todos juntos para fortalecer a nossa luta”, finalizou.