Comunicação

09 de fevereiro de 2018 | 16:47

SINTEGO vai a Secretaria de Finanças do município de Goiânia para cobrar o pagamento de reajuste a categoria

A direção central do SINTEGO esteve na manhã desta quinta-feira (08) na Secretaria Municipal de Finanças de Goiânia, para cobrar a pauta específica dos trabalhadores(as) em Educação da rede municipal de Goiânia.

A presidenta Bia de Lima, e os demais diretores que participaram da reunião, levaram a preocupação quanto o pagamento do Piso de 2018, que deveria ter sido feito na folha de janeiro, a diferença da Data-base dos administrativos de 2017 e o reajuste referente a 2018 dos servidores administrativos, além do cumprimento do Plano de Carreira, no que diz respeito às progressões horizontal e vertical e da convocação de novos aprovados no concurso.

“Não aceitaremos outro calote como no ano passado. A prefeitura retirou a Data-base dos administrativos alegando que precisava enviar o projeto à Câmara de Vereadores para ser votado, o que acabou não acontecendo e os servidores foram prejudicados. Já os professores estão desde janeiro sem receber o reajuste de 6,81% referentes ao ano de 2018. Todas estas questões já estão previstas em lei e deveriam ser cumpridas logo no início do ano. Não abriremos mão destes reajustes”, argumentou Bia de Lima.

A presidenta também falou da ação judicial proposta pelo SINTEGO para reaver a diferença de reajuste do Piso de 2014 (janeiro, fevereiro e março).

A convocação de novos aprovados no concurso da Secretaria de Educação, também foi cobrado pelo SINTEGO, pois está inviabilizando o funcionamento de vários CEMEIs e escolas.

“A situação está gravíssima. As escolas e CEMEIsestão funcionando com precariedade. Precisamos saber quando será chamado os novos aprovados para solucionar este problema”, destacou Bia de Lima.

Uma nova reunião será marcada ainda neste mês, com o secretário municipal de finanças, Alessandro Melo, para que as providências tomadas pela Prefeitura sejam informadas ao SINTEGO e posteriormente a toda categoria.

Participaram da reunião a tesoureira do SINTEGO, Iêda Leal, a secretária geral, Ludmylla Moraes, o secretário de imprensa, Napoleão da Costa e a chefe de gabinete da Secretaria Municipal de Finanças, Letícia Vila Verde. 

 




Imprimir