Notícias

11 de junho de 2018 | 18:36

SINTEGO se reúne com diretores/as e ex-diretores/as do Município de Goiânia para tratar da Estabilidade Econômica

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (SINTEGO) e o Conselho dos Diretores e Dirigentes das Escolas Municipais de Goiânia (Condir) realizaram, hoje (11), uma reunião com diretores/as e ex-diretores/as das Escolas e CMEIS Municipais de Goiânia que cobram a incorporação da gratificação de Estabilidade Econômica em seus salários.  O SINTEGO tem encampado a luta dos diretores, a exemplo dos que tiveram dois contratos e se candidataram, nas últimas eleições.

Na questão da Estabilidade Econômica, o SINTEGO já defende o tema como pauta da categoria e o apresenta nas reuniões de negociações com o Executivo Municipal. Na Reunião de hoje, foi definido que o SINTEGO irá buscar uma reunião com o secretário de Municipal de Governo, Paulo Ortegal e com o Prefeito, Iris Rezende, para tratar especificamente desse assunto.

Para os servidores que desejam a judicialização de seu pedido, a presidente do SINTEGO, Bia de Lima, disponibilizou a assessoria jurídica para atuar no caso.  A questão da necessidade de judicialização da questão foi a principal dúvida entre os diretores, visto que, até hoje, os gestores do município de Goiânia não têm atendido os pedidos de incorporação. A presidente Bia defendeu que a negociação administrativa é mais ágil para atendimento e resolução da questão:

“A Judicialização pode levar um período muito longo e isso é tudo que a Administração Municipal deseja para protelar e não resolver a questão. Aguardar a decisão na justiça pode levar anos,” ponderou. “Contudo, aqueles/as servidores/as que entendam que o melhor é entrar na justiça, o SINTEGO tem na sua assessoria jurídica o trabalho de defender a categoria nas demandas judiciais”, concluiu Bia.